Povos Antigos

Wednesday, January 04, 2006

A Mesopotâmia

A Mesopotâmia[1] é uma região de planícies no Oriente Médio entre os rios Tigre e Eufrates. Todos os anos, o Tigre e o Eufrates transbordavam e a água invadia uma extensa área, dessa forma alguns historiadores podem inferir que o grande “dilúvio universal” aconteceu em uma dessas épocas e na memória do povo, teria acontecido, então, o que muito se narra na Bíblia.

Quando o nível dos rios voltava ao normal, ficava uma grande região coberta de lodo. Esse lado fertilizava as terras das margens dos rios, tornando-as muito boas para a agricultura e para desenvolver pasto. A água dos rios ficava retida em pântanos. Na água parada dos pântanos nasciam mosquitos que transmitiam doenças perigosas. As pessoas tinham de drenar os pântanos, cavar canais para levar a água para irrigar outros terrenos. Essas obras hidráulicas já eram realizadas antes de surgirem os primeiros Estados na região.

Os objetos, nessa época, eram confeccionados com cobre, quase mil anos depois é que foi descoberto o bronze, contudo a roda passou a ser usada na Mesopotâmia.

Havia muitos povos na Mesopotâmia. Os mais antigos foram os Sumérios
[2], que construíram as primeiras cidades da região. Cada uma delas tinha seu próprio governo. Por isso dizemos que eram cidades-estados[3]. Do lado das cidades, ficavam os campos cultivados por famílias de camponeses e pelos escravos.

A Babilônia era uma grande cidade-estado localizada perto do encontro entre o Tigre e o Eufrates. Por ela passava muitos mercadores carregando produtos do Oriente para o Ocidente. O rei Hámurábi
[4], que tinha um código[5], era o rei mais importante da Babilônia.
Contudo, cerca de duzentos anos depois, os hititas
[6] saquearam a Babilônia com armas feitas de ferro e carruagens com cavalos. Esse episódio levou cerca de dois milênios e meio em relação aos objetos que eram confeccionados com cobre e mais de um milênio em relação aos objetos confeccionados com bronze.

Os Assírios
[7] também viviam na Mesopotâmia e falavam um idioma parecido com o babilônico. O mais famoso rei assírio foi Assurbanipal[8]. Em 911 a.C. houve a supremacia dos assírios, no entanto o império, aos poucos, foi se enfraquecendo[9]. Quando derrotado pelos caldeus e medos[10], o famoso rei Nabucodonosor mandou construir grandes palácios feitos de tijolos cimentados com breu, dotados de grandes portões de cobre. Para agradar a esposa, ele ordenou que se construíssem os magníficos Jardins Suspensos da Babilônia. Ele também ordenou que levantassem um enorme zigurate[11] “para alcançar o céu”, que a Bíblia chamou de Torre de Babel. Mas nenhum império da Antiguidade durava para sempre. Em certo momento aparecia um povo mais forte para destruí-lo. Um exemplo era que, embora o povo judeu, nos últimos seiscentos anos, estivesse sob o domínio babilônico, os Persas dominaram a Babilônia quase cem anos depois.

Resumindo os fatos, podemos relatar como realidade que os criadores da cultura mesopotâmica foram os sumérios e acrescentar que os babilônicos e os assírios aprenderam com eles e os imitaram em muitas coisas.

Na religião, politeísta
[12], os povos da Mesopotâmia acreditavam que havia deuses que comandavam as forças do Universo e o destino dos homens, entretanto, acreditavam que não havia vida após a morte. Todavia a religião[13] era uma extensão da política e vice-versa. Alguns historiadores atuais conhecem placas de barro sumérias do século XXIV a.C., que contém inscrições de que o poder dos reis foi dado pelos próprios deuses. Isso denota que eram povos místicos, porém muito contribuíram para as ciências.

A ciência na Mesopotâmia tinha feito muitos progressos, um que se assemelha com a nossa civilização é o calendário com doze meses, todavia não era só esse avanço que os caldeus tinham, também observaram os movimentos dos astros e com isso criaram e desenvolveram a Astrologia
[14], entretanto só conseguiam visualizar cinco planetas.

Na matemática, os povos da Mesopotâmia muito contribuíram, haja vista que podemos compreender determinadas soluções por fórmulas descobertas graças aos empenhos desses povos. Citando as fórmulas, podemos acrescentar que o zigurate foi construído usando soluções matemáticas. Já na área dos documentos, temos o sistema de escrita[15] cuneiforme[16] que pode ser o mais antigo da humanidade.

[1] Era uma região atravessada por muitos povos guerreiros. Por isso nenhuma civilização durava muito tempo.
[2] O rei Sargão da Arcádia (norte da Suméria) inicia a conquista e união da Mesopotâmia.
[3] As cidades-estados eram rivais. Volta e meia estavam em guerra umas com as outras. Aquela que vencia tomava as riquezas e as terras dos inimigos, e os derrotados sobreviventes eram transformados em escravos.
[4] Por volta de 2000 a.C. por intermédio da guerra, ele comandou a conquista das cidades Sumérias. Todos pagavam impostos para a Babilônia, que se tornou a cidade mais importante da Mesopotâmia. Os escravos não eram muito numerosos. A maioria era de mulheres, utilizadas nos serviços domésticos.
[5] Era um conjunto de leis criadas pelo rei e que estabeleciam o domínio da nobreza babilônica. Uma das coisas mais notáveis da civilização babilônica foi a criação dos códigos de Hámurábi. O código era uma lista de leis que determinavam como deveriam viver os habitantes do reino. A principal idéia do código de Hámurábi era a do “olho por olho, dente por dente”. Mas essas leis só valiam para as pessoas do mesmo grupo social. Se fosse em relação a um grupo social inferior, a pena seria branda. Por exemplo, se um homem construísse mal um canal e inundasse as terras do vizinho, deveria pagar pela colheita destruída pelo alagamento.
[6] Que vieram de Hattushash – hoje Turquia.
[7] Eram guerreiros terríveis. Suas armas de ferro eram superiores as dos outros povos, e com isso, conquistaram a Mesopotâmia e atacaram até as fronteiras egípcias e os judeus na palestina. Os Assírios eram famosos pela crueldade com que tratavam os adversários derrotados nas batalhas.
[8] Ele mandou construir a primeira biblioteca do mundo na capital do reino, a cidade de Nínive. Essa biblioteca era formada por milhares de tijolos com escritos cuneiformes. Os livros de tijolo contavam lendas e trechos da história do reino, continham leis e acordos comerciais entre pessoas. Hoje ainda restam alguns tijolos, que são estudados pelos historiadores. Não é difícil entendermos por que os pobres, os escravos e os povos dominados estavam sempre se revoltando contra os nobres assírios.
[9] Os caldeus, que eram descendentes dos antigos babilônicos, destruíram a cidade de Nínive. Depois que os caldeus derrotaram os assírios, a Babilônia voltou a ser a cidade mais importante da Mesopotâmia.
[10] Persas.
[11] Era uma espécie de pirâmide cortada e encaixada em outras pirâmides fatiadas, parecia uma montanha construída pelo homem. Era um dos principais tipos de construção dos povos da Mesopotâmia
[12] Tinha vários deuses.
Observando - para esses povos os deuses eram muito poderosos e podiam desgraçar a vida humana.
[13] Os sacerdotes eram funcionários do Estado.
[14] Os astrólogos caldeus acreditavam que podiam prever o destino de uma pessoa e de um povo observando os movimentos dos astros no céu.
[15] Foi inventada na cidade de Ur, por volta de 3500 a.C..
[16] Em forma de cunha. Com um palitinho, a pessoa cunhava os símbolos na argila ainda macia.
Observando - Hoje existem cerca de 25 mil fragmentos escritos conservados.

9 Comments:

At 10:12 PM, Blogger Rita said...

This comment has been removed by the author.

 
At 3:02 PM, Blogger Rita said...

Augusto, parabéns pelo seu blog.
Completo, com ricas informções e numa linguagem acessível aos jovens do Ensino Fundamental II.

Abraços,

Rita

 
At 12:20 PM, Blogger karoliny said...

Poxaa Muito bom...me ajudou bastante;

 
At 9:52 AM, Blogger rheurison.spezani said...

This comment has been removed by the author.

 
At 6:02 PM, Blogger lucasenrique73 said...

mano o prof passo o trabalho + tem q ser de 4 paginas

 
At 11:08 AM, Blogger Elton Jackson said...

O seu blog com suas informações me ajudou muito com o meu trabalho de historia sobre a Mesopotâmia.

 
At 11:09 AM, Blogger Elton Jackson said...

Obrigado pela postagem,Pois me ajudou muito com o meu trabalho da escola de historia sobre a Mesopotâmia.

 
At 9:58 AM, Blogger lailson said...

deveria ter mais assunto.

 
At 9:59 AM, Blogger lailson said...

deveria ter mais assunto.

 

Post a Comment

<< Home